terça-feira, 11 de novembro de 2008

Meu querido diário

Blá! No dia em que eu começar uma postagem assim me internem!
Podem até achar que sou azeda, mas a verdade é que eu sou é crítica mesmo, viu?!
É que eu sempre dou um rolé pelos blogs alheios e já achei muita coisa legal (é só ver minha lista de blogs preferidos que é imensa!) mas o problema é que tem muita merda por aí, minha gente!
Eu não sei como alguém pode fazer um blog esperando visitas frequentes se fala somente da sua vida particular. Para mim só vale quando a pessoa têm algo a dizer, né? Acompanho blogs sobre o universo feminino, por exemplo, porque são questões que aconteceram com aquela blogueira mas que também servem para mim.
Eu procuro escrever sobre temas gerais que possam agradar à maioria das pessoas. Acho que a graça de um blog que é divulgado no seu perfil do orkut, por exemplo, está no fato de ter leitores, de ser visitado. Ou então você escreveria sem divulgar, né?! Assim, eu procuro oferecer postagens que levem algum tipo de benefício às pessoas, por isso na falta do que dizer posto poesias ou letras de músicas, o que para um leitor de gosto refinado são sempre interessantes, hehe!
É lógico que eu escrevo coisas particulares também, mas não faço tanto estardalhaço, né?! Porque pelamordedeus, blog não é consultório sentimental, minha gente!

Bem, a verdade é que o leitor só se torna fiel à publicações que conseguem prender sua atenção. Eu sei que é muito difícil dar palpite como estou fazendo, porque como diz um funk aí: "cada um no seu quadrado", mas acho legal os blogueiros refletirem se o seu próprio blog é um espaço que você visitaria e teria vontade de voltar outras vezes.


(Talvez pense assim porque eu tenho um flickr e é lá que eu tenho meus devaneios egocêntricos, hehe!)

Enfim, eu sei que o meu blog não é perfeito, aliás, nem eu sou, mas procuro melhorar a cada dia, né?!

Ai, será que fui muito radical? Pode ser a TPM, hehe!

Até mais!

15 comentários:

Cara Pálida disse...

Muito interessante, muito mesmo! É, as vezes as pessas até sem perceber acabam fazendo do seu blog um diário virtual. Realmente se querem ter muitas visitas e leitores assiduos ela pode claro falar de sua vida pessoal mas englobando assuntos que envolvam todos que os levem a rir ou pensar!

Cara Pálida disse...

Querida Ana, se assim posso te chamar, obrigada pela visita ao meu blog. Os posts não irão diminuir tanto, será um dia sim um dia não. O SSA já é domingo, minhas provas finais também estão chegando; mas se pensarmos pelo lado positivo depois que tudo isso passar voltarei a postar todos os dias. Ah, e fico feliz em saber que gostas do meu blog, a reciproca é verdadeira!

Kaka disse...

Também estou de acordo com suas idéias, pois um blog é um local para colocar idéias, e não para colocar a vida, bem se a vida da pessoa for interessante vale a pena (rsrrs), mas depois enjoa como qualquer outra coisa que não muda e fica sendo a mesma sempre.
PS: Fui um dos que você fez a visitinha. hahahah

~ a Juh! disse...

Interessante teu modo de pensar!
O meu é um blog pessoal, onde eu coloco muita coisa, principalmente desabafos. Não tenho pretensão de ter um blog famoso, nem nada assim, só o fiz pra colocar pra fora o que antes ficava só guardado dentro da minha cabeça.
Mas gosto é gosto, né?

Beeeeeeeeeeeeijos

Ana Gabi disse...

Ei Juh, eu tb não tenho pretensão de ter um blog famoso, mas quando coloco no ar e divulgo é para que as pessoas leiam e tirem algo de positivo daquilo, ainda que eu poste algo sobre minhas experiências pessoais, entende?

Talvez seja porque eu tenho um flickr e é lá que eu tenho meus devaneios, hehe!

Rosangela A. Santos disse...

é como vc falou da musica .. cada um com o seu quadrado .. rsrsrs

Boa a sua reflexão!!

Abç.

blog disse...

Bem, na verdade as pessoas encaram os blogs como elas quiserem, certo? Cada um vê (e usa) seu espaço como melhor convém, acredito eu. Se a vida pessoal de alguém interessar a outrem, tudo bem, por que não? A vida das "celebridades" tb nada têm de interessante e suas intimidades vendem como água.

Há blogs de todos os tipos. Cada um na sua.
Valeu.

Ana Gabi disse...

blog,

Foi o que eu disse, né?! Cada um no seu quadrado, hehe!
Salvo se for alguém das minhas relações, não costuma ser algo que interesse a mim...

Aline Cristina. disse...

Bom, o meu é parecido com um diário...

Mas confesso que tudo vale quando a pessoa sabe colocar, jogar os assuntos e fazer uma boa narrativa...

Ás vezes algum assunto idiota se torna tão bacana, quando bem escrito...

Beijos !!!

Ercio Bamberg disse...

Discordo completamente. A definicão de blog, desde que foi criado nos primordios do anos 00, é simplesmente "diário virtual". Logo, as pessoas usam da forma que bem entenderem. Se alguem está fugindo da proposta original, estes sao os que usam os blogs pra postar musica, filmes, livros (embora eu ache tudo isso uma benção de divina). Há também os que emitem opinioes vulgares sobre coisas de assuntos mil, desde o ultimo lançamento do Bobs até a crise financeira, como se esta opiniao vulgar fosse fazer alguma diferença em tempos de FOLHA ONLINE, IDGNOW e tantos outras formas de informação embasadas e gratuitas.
Enfim, minha querida Ana Gabriela, gosto muito de você, mas cuidado pra não acabar usando seu blog (que alias é otimo) pra ofender pessoas, mesmo que sem intenção.

Bjos

Biel, o Bardo disse...

então... eu uso meu blog como forma de devaneio e consultório gratuito para minhas próprias questões que muitas vezes invento a mim mesmo, numa eterna retórica com o espelho. mas não seja tão categórica. por isso temos por aí tantos tipos de blogs, e ainda bem! mesmo porque um blog é um reflexo do estado de espírito muitas vezes... e se pode mostrar isso postando uma poesia, uma música ou mesmo um texto completamente pessoal e dirigido a uma única pessoa que talvez nem vá ler! e por isso esse universo bloguistico é tão vasto e livre...
e cada um deixa a opinião que bem entende sobre aquilo que vive!
enfim... já to falando demais!!
visitarei mais vezes...
obrigado pela vista e comment!!

Ana Gabi disse...

Bom, acho que não me fiz entender muito bem, porque todo mundo que discordou do que eu disse de alguma maneira falou algo que eu queria dizer ou que tinha a ver com o que eu quis passar...


Aline Cristina
"...confesso que tudo vale quando a pessoa sabe colocar, jogar os assuntos e fazer uma boa narrativa"
Pois é, por isso que eu disse que acompanho alguns blogs sobre o universo feminino porque são questões que aconteceram com aquela blogueira mas que também servem para mim. Tudo depende do foco ser interessante e da experiência pessoal servir pra outras pessoas, né?!


Ercio
Eu não quero ofender ninguém, só estou deixando claro no meu post o tipo de blog que eu curto ler, já que acredito que meu compromisso é levar algum tipo de benefício às pessoas. Agora se alguém está se sentindo ofendido eu já não tenho culpa...


Biel
Se cada um deixa a opinião que bem entende sobre aquilo que vive eu apenas quis deixar a minha opinião sobre aquilo que leio, hehe!
O seu blog é legal, não é sobre esse tipo de blog que eu estou falando... Inclusive eu curti as duas postagens que li: o post sobre a Amy e o lance do seu trabalho, porque foram escritos de uma maneira leve, descontraída, engraçada, entende?!

Biel, o Bardo disse...

gabi!!
adoro comentarios argumentativos! hehehe...
na verdade nao foi uma critica a sua postagem, nada disso... apenas a demonstração de que é meio por ai: "cada um no seu quadrado". Todo mundo escreve sobre o que gosta e cada um lê o que traz alguma identificação!
relaxe e poste!!! hehehee
outro.

VMS JUNTOS AO SHOW DA AMY! kkk

Ercio Bamberg disse...

Por isso mesmo q eu disse "cuidado pra n ofender ninguem, mesmo q sem intenção."

Mari disse...

Eu tb não gosto de blogs que falem somente da vida pessoal, como diários, a não ser que tenha um sentido ou uma mensagem, fora isso, acho totalmente sem graça.
Bjs.